Agora, Também Sem Praça de Touros

| Partilhar
Viana do Castelo é a primeira cidade portuguesa que decidiu pôr fim às touradas. O presidente da Câmara Municipal, Defensor Moura, defende que o sofrimento dos animais durante as touradas não é compatível com o perfil de cidade saudável que Viana quer manter. A praça de touros já foi comprada pela autarquia vai ser demolida para dar lugar a um Centro de Ciência Viva. [Parlamento Global, com Audio]

Depois de Viana do Castelo já se ter declarado anti-touradas e após a nega de Mesquita Machado aos rumores de uma tourada por altura do S. João, a Câmara Municipal de Viana do Castelo vai levar a sua declaração às últimas consequências: a demolição da praça de touros.

Mas, não obstante estes sinais positivos nalgumas localidades do Minho, convém lembrar o que dizia o Pedro Morgado em Fevereiro passado:

Contudo, as notícias mais recentes mostram uma realidade bem distinta: ao fim de muitos anos sem este espectáculo violento, Braga prepara-se para receber uma tourada; em Guimarães, as festas Gualterianas voltarão a ser palco de uma tourada; e na Póvoa de Varzim, a tourada continua a fazer-se regularmente na Praça de Touros. Infelizmente, a modernidade não está ainda ao alcance de todos...


Correcção, segundo o Rui Rocha: Há ai um pequeno lapso: a decisão de declarar viana como cidade anti touradas está inerente à demolição da praça. Os vianenses souberam das duas decisões no mesmo dia.

8 comentários:

  1. Caro Jorge Sousa,

    Há ai um pequeno lapso: a decisão de declarar viana como cidade anti touradas está inerente à demolição da praça. Os vianenses souberam das duas decisões no mesmo dia.

    Hoje pelas 16h00 em Viana do Castelo, algumas pessoas vão desfilar pela cidade a cavalo exigindo o recuo e a aceuitação das touradas no concelho de Viana.

    ResponderEliminar
  2. Estes discursos sobre "modernidade" e "civilização", para quem estudou um bocado de história só podem dar para rir (isto, é claro, para não chorar...)

    ResponderEliminar
  3. Guimarães, nisso, é uma miséria completa!!!

    ResponderEliminar
  4. Já agora, saliento que a negação de MM aos rumores de uma tourada são na sequência da notícia citada no fim deste artigo.
    Espero que a dita não se realize, mas os promotores da mesma já manifestaram a intenção de a fazer de qualquer maneira.
    Se não tiverem a licença da câmara afirmam fazê-la em alguma quinta privada.
    João Costa

    ResponderEliminar
  5. Caro Rui,

    Adicionei uma nota nesse sentido, obrigado. Pelo destaque dado hoje ao assunto, fiquei com a ideia de que seria novidade. A decisão de construir o tal Centro de Ciência Viva é que será novidade?

    ResponderEliminar
  6. Não, também o centro de ciencia viva foi sabido nesse dia...

    http://blogminho.blogspot.com/2008/11/machadada-nas-touradas-do-minho.html

    Abraço

    ResponderEliminar
  7. Nesse caso não compreendo o tratamento renovado dessas informações pelos media, como se fosse tudo novidade. Obrigado pelo esclarecimento.

    ResponderEliminar
  8. eu estou mais preocupado com o boi do Saramago que quer ser espanhol!!!!

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores