Onde os Pretos Somos Nós

| Partilhar
«Se não servirem para mais nada, as manifestações de trabalhadores ingleses contra a contratação de operários estrangeiros, incluindo portugueses, podiam ter, ao menos, o benefício de levar certos cidadãos nacionais – os que organizam manifestações contra os pretos, ucranianos, ciganos e demais imigrantes e os que concordam com eles, mais ou menos silenciosamente - a pensar, uma vez na vida que fosse, e a perceberem que há muitos sítios no mundo onde os pretos somos nós, a suposta e superior “raça portuguesa”.»

Brilhante, no Teatro Anatómico.

2 comentários:

  1. Olá Pedro,

    Acompanho esse blog há poucos dias, e reparei nesse post. Ao Sr.Teatro Anatómico , que não sei de onde é, até deixo passar. A ti, como sei que és de Braga e cidadão mais que observador, já é mais difícil. Vai a Londres, e vê quantos portugueses estão num café o dia todo a beber e a fumar e a exibir telemoveis de ultima geração. enquanto que suas mulheres e crianças Intimidam por aí com o intuito de lhes pedir dinheiro.
    Tenta ir à rua do Fujacal,e vês disto tudo. Em Famalicão, é mais do mesmo.

    ResponderEliminar
  2. Raça portuguesa?
    Qual raça?
    Ah, a raça... a raça'esparta....

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores