Crise na Escola Pública [2]

| Partilhar
Já se percebeu que não há nada de substantivo na intransigência da Ministra nem tão pouco nas «pulsões e tiques autoritários do governo» denunciados pelo deputado Manuel Alegre. Diz-se até que, à semelhança do que aconteceu no passado, a aparente intransigência será substituída por um corrupio de "circulares" que, de tão mitigada, tornarão a lei contestada num diploma de irreconhecível aplicação prática.

Sendo assim, porque é que o Partido Socialista escolheu os docentes como alvo da sua suposta determinação? Quem segue com atenção a cena mediática não se surpreende com a aridez com que o Governo tem tratado os episódios mais recentes do capítulo educativo. A educação não consta das prioridades dos portugueses e José Sócrates, hábil gestor do jogo mediático, sabe que a guerra com os docentes trará dividendos em termos de imagem pública. Um Governo que cede como este cedeu perante camionistas amotinados nas ruas causando graves distúrbios à ordem pública e que recua como este se prepara para recuar na questão do Estatuto dos Açores não é coerente quando se recusa a valorizar a opinião dos docentes nesta matéria.

Infelizmente, a obstinação desta Ministra da Educação não pode ter um final feliz.

4 comentários:

  1. A inteligência da análise permite-me lançar a hipótese de se tratar não só de desinteresse real na educação como também de segurar oportunidades de negócio neste sector...

    ResponderEliminar
  2. boa noite gostei muito deste blog adorei aliás por isso gostava de saber se estão interresados em trocas de links voces colocam o meu link e eu coloco o vosso o que acham

    ResponderEliminar
  3. Pedro,
    Gostei do teu artigo sobre a escola pública. Caso queiras saber mais informações sobre o drama que os professores estão a passar nas escolas tenho muito gosto em te esclarecer.
    ***

    ResponderEliminar
  4. O João Jardim acabou com tudo!
    Desta vez concordo com ele, mas é sem exemplo:UMA SÓ LEI PARA TODO O PAÍS, ABAIXO A REGIONALIZAÇÂO E AS FALSAS ESPECIFICIDADES!VIVA A COESÂO NACIONAL COM MAIS INVESTIMENTOS A NORTE(NÃO SÓ PORTO...)
    Mas, às vezes já jeito, certo?

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores