A Selva

| Partilhar
Por estes dias, o país anda transformado numa selva em que todas as frases são tomadas para o campo da política partidária mesmo contra a intenção e a vontade dos seus autores. Em Portugal, discutem-se demasiado as pessoas, as intrigas, as suposições e as desconfianças. Das ideias e dos projectos para o país, os municípios e as freguesias muito poucos querem saber. Lamentavelmente.

10 comentários:

  1. É nestas alturas que toda a gente liberta o parvo e oprimido que ha em cada um de nós.

    ResponderEliminar
  2. Eu é que não sou parvo!
    Votos nunca mais!

    ResponderEliminar
  3. Deve ser por isso que Mesquita Machado vai ter o estatutário direito a uma dezena de fotografias suas - qual Gaius Iulius Caesar Octavianus Augustus - no Correio do Minho até ao dia das eleições.

    Não é preciso fazer MUITO MAIS, basta PARECER que passaram três décadas e que Braga se afirmou, pela obra e graça de MM, como terceira cidade do país.

    Só não sei bem o critério porque a televisão só vem a Braga filmar as misérias e as casas que morrem de pé e alguns jogos de futebol disputados num estádio espectacular onde a autarquia deu tudo o que tinha e o que não tinha.

    ResponderEliminar
  4. Olha quem fala.
    Aqui só falam em MFL e Sócrates.

    ResponderEliminar
  5. Este post é uma grande verdade. Daí, muitas vezes as pessoas ao votarem dão um tiro no escuro, que facilmente se transforma num tiro no pé.

    ResponderEliminar
  6. Lamentavelmente são as Freguesias que mais contribuem para o mais do mesmo.Uns barretes...umas canetas, bolas ou esterográficas e se possível uma inauguração dum relvado sintético...depois uns sorrisos e o discurso sobre o que foi feito ao longo dos Anos, prometendo se ganhar,fazer novos eventos...quem sabe, uma Piscina.A vitória ali fica certa.

    ResponderEliminar
  7. É verdade.
    Discute-se o que se veste, onde se desfila e o que se fez, e não se vê discussões/exposições democráticas sobre as propostas e futuro do país.
    A nossa Democracia ainda é muito nova, ainda tem mt que andar...

    ResponderEliminar
  8. Vejam só as propostas dos candidatos...vão ao baú e retirem prostas dos últimos Anos e vejam a cabolice que existe.Tudo quase copiado e aqui ou ali uma pequena inovação, somos pequenos e estamos sem ideias, talvez por falta de dinheiro.

    ResponderEliminar
  9. Ouvi dizer que revoltados e tristes com a ideia que o povo tem deles, um grupo de Deputados irá apresentar uma proposta de redução salarial para o período da próxima legislatura.A ser verdade teremos de repensar a ideia de que apenas querem um bom emprego.São fontes não identificadas mas credíveis que dão como certa tal decisão a todos os títulos louvável.

    ResponderEliminar
  10. Passe a ironia do comentário, mas também sou de opinião seria um sucesso político um tal exemplo de solidariedade com o Povo de que tanto falam nos debates...venha de lá um exemplo parlamentar! Acham antes que ganham pouco e querem equiparação Europeia e esqueceram-se dos tais 200 ou 300E de salário ou reformas do tal POVO...

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores