Gostei de Ler

| Partilhar
Daniel Oliveira observa (e bem) que Pacheco Pereira, «o paladino do jornalismo sem agenda e sem causas, só não costuma gostar da agenda e das causas do jornalismo». Enquanto isso, José Pedro Ribeiro gosta da Braga ao sábado de manhã que o Bruno Gonçalves descobriu. Já António Amaro das Neves questiona o desprezo que os órgãos de informação têm dado à Guimarães Capital Europeia da Cultura, enquanto que no Café Toural se sente algum desconforto pela associação da máfia ao Vitória de Guimarães que está a ser promovida pelo marketing do próprio clube.

Boas leituras.

0 Comentários

Enviar um comentário

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores