Braga Qu'Eu Gosto 1 | Centésima Página

| Partilhar
Centésima Página
© Flapi

«Se tivesse que escrever um livro de moral, as primeiras 99 páginas ficariam em branco e na 100ª PÁGINA escreveria uma só frase: Existe um único dever, o dever de amar» [Albert Camus]

Mais que uma livraria, uma casa de cultura. Folhear esta página, que é Centésima, com o prazer de ler ao ritmo da arte é um deleite em que, quando há tempo, há espaço para um café. A Centésima Página instalou-se na Casa Roldão, uma pérola da Braga barroca em plena Avenida Central. A casa, construída entre 1759 e 1765, é atribuída a André Soares, o mais notável arquitecto do barroco português.

No capítulo das iniciativas culturais continua em exibição, até ao fim do mês, parte da exposição Três em Linha e, no dia 28, terá lugar a apresentação do livro «O Tomaz das Quingostas», de José Alfredo Cerdeira.

A Centésima Página está na rede em http://www.centesima.com/, sendo bastante fácil pesquisar e encomendar livros por esta via.

2 comentários:

  1. Das poucas coisas de jeito em Braga....mesmo das muitos poucas....Ai como é mau viver em Braga...

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores