Da Paixão e da Razão

| Partilhar
«Domingos Paciência perdeu 5ªfeira o seu primeiro jogo oficial ao comando do Sp. Braga . Frente a um Elfsborg que lidera o campeonato sueco e está no seu pico de forma, a equipa do Minho comprometeu a qualificação para a Liga Europa . As críticas dos adeptos benfiquistas entoaram de imediato no Relvado [e no Avenida Central também]. Mas será Domingos assim tão diferente de Jesus?

Sp. Braga
e Benfica contrataram novos treinadores esta temporada. Domingos , técnico da nova geração , rumou ao Minho após duas experiências marcadas pelo sucesso desportivo e pela empatia criada com os adeptos - quer em Leiria quer em Coimbra. Jorge Jesus, treinador da velha guarda , rumou à Luz após um passado fortemente ligado ao futebol português e a experiências bem sucedidas em vários clubes, o último dos quais precisamente o Sp. Braga.

Após meia dúzia de treinos com os arsenalistas, Domingos vem a público dizer que a equipa está mal preparada fisicamente e que está a sofrer as consequências desse fardo ao ter de iniciar a preparação sem meia dúzia de lesionados . Vai mais longe e diz também que Jorge Jesus, seu antecessor, podia ter feito muito melhor na temporada passada.

Caiu o Carmo e a Trindade. Um rol de críticas abateram-se sobre Domingos e os principais contestatários vinham precisamente do novo clube de Jorge Jesus. Foram variadíssimos os comentários pejorativos , lidos, por exemplo, aqui no Relvado . O novo treinador do Braga teria desrespeitado o seu antecessor e agido com uma arrogância imperdoável ...

Só que esses mesmos adeptos que criticaram Domingos esquecem-se que, poucas semanas antes, tinham tido a apresentação de Jorge Jesus no Benfica marcada por declarações muito fortes sobre o seu antecessor, Quique Flores . O novo treinador prometia pôr a equipa a jogar o dobro ou mais do que no ano passado, que é o mesmo que dizer que o Benfica de Quique Flores não rendia nem metade daquilo que podia! Afirmou também que tinha a certeza que ia ser campeão naquela casa.

Nessa altura, não caiu o Carmo nem a Trindade. Não se abateu sobre Jorge Jesus qualquer rol de críticas nem tão pouco havia contestatários para definir um ponto de origem. Foram variadíssimos os comentários elogiosos, lidos, por exemplo, aqui no Relvado. O novo treinador do Benfica ter-se-ia apresentado com uma enorme dose de confiança e com um discurso motivador . Aquela arrogância saudável era ao estilo Mourinho e tudo!

Pois... são pontos de vista. As mesmas pessoas que viram as declarações de Jorge Jesus de uma perspectiva positiva, viram mais tarde as de Domingos, em tudo semelhantes, de uma perspectiva muito negativa. E continuam a criticar, inclusive num jogo europeu que ninguém viu, que ninguém sabe como foi, e que é mais uma facada nas costas para o posicionamento cada vez mais preocupante de Portugal no ranking . Situação que afecta todas as equipas portuguesas, sobretudo quem fica em 3º lugar no campeonato e perde a oportunidade de ir à Champions.

Pois bem, eu diria - sobre ambos os discursos - que é tudo uma questão de motivação, de injecção de confiança nos jogadores e de ruptura com o passado, fazendo a equipa acreditar que é capaz de muito mais. Ao menos sei que vocês concordam comigo... em 50% daquilo que disse.

Por isso ficam as perguntas: em que é que o discurso de Domingos foi diferente do de Jorge Jesus? Porque é que a clubite nos faz ver de formas completamente distintas duas situações em tudo semelhantes? Não estará Domingos a sofrer as primeiras consequências de estar conotado com o FC Porto? Mais: o que ganham os benfiquistas com a eliminação do Braga

Texto de Susana Valente.

26 comentários:

  1. A diferença é que o Jorge Jesus tem razão, o ano passado o Benfica tinha equipa para fazer muito melhor do que fez.

    Já o Braga, o ano passado jogou bastante bem, tendo em conta a equipa que tinha

    ResponderEliminar
  2. LOL. Este anónimo está bebado! O Braga tinha melhor plantel que este ano.

    ResponderEliminar
  3. A questão é q o benfica de facto, no ano passado, não jogou metade do que lhe era exigido face à dimensão e ao plantel que apresentou. Ficar em terceiro, ganhar uma taça da liga e não fazer nada de jeito na UEFA não é mau, é a seguir!

    No que toca ao Braga já não se poderá dizer a mesma coisa. A meu ver fez uma boa época, jogou bom futebol e só não foi mais além no campeonato pelas vezes que foi prejudicado (tal como o Pedro não se cansou de repetir, há uns meses...)...

    O Domingos, não tendo feito nada de relevante, assume aqui uma postura pouco elegante e desapropriada face ao desempenho da equipa na época passada.

    E com tanta conversa de "mauzão" nem sequer me parece que vá conseguir passar esta pré-eliminatória. A ver vamos no que toca ao campeonato e às outras competições. Mas não prevejo nada condizente com a época passada.
    Prevejo sim, bodes expiatórios... Vamos andando e vamos vendo.

    Cumprimentos a todos.

    ResponderEliminar
  4. Domingos não foi arrogante, foi simplesmente estúpido. Já diz o velho ditado que um burro calado é um sábio...
    E a mim pouco me interessa o discurso do Jesus no Benfica ou se o Domingos é conotado com o Porto. O que a mim me interessa é que o Braga jogue futebol de qualidade e que ganhe. E isso está visto que não vai acontecer este ano, pelo menos com o Domingos.
    Espero realmente estar enganado e se assim for cá estarei para me penitenciar. Mas sinceramente não meparece...

    ResponderEliminar
  5. No fundo, no fundo a culpa do Braga ter perdido ainda vai ser do Benfica....
    Tenham calam que ainda há a segunda mão e o Braga tem equipa para ir lá arrumar isto.

    ResponderEliminar
  6. A diferença é evidente e só a dita clubite pode fazer com que alguns não a queiram ver.

    Enquanto o Jorge Jesus fez um discurso populista mas virado para o clube, enaltecendo a equipa e dizendo que ela pode render o dobro, sem o ataque directo a Quique Flores, e sem deixar antever situações de má prática por parte do antigo treinador.

    Indirectamente podem ser entendidas também como uma critica ao fraco rendimento, face à suposta qualidade do plantel e às expectativas criadas, contudo Jorge Jesus acabou por ter a mesma filosofia de discurso de todos os treinadores que chegam ao Benfica, que é afirmarem que querem ser campeões, mas neste caso afirmou mesmo que o vai ser.

    NÃO FAZENDO QUALQUER ATAQUE DIRECTO a treinadores ou clubes da primeira liga, afirmando que consigo os jogadores vão render o dobro, cá estaremos para o compravar, ou não.

    Em contraste temos o Domingos Paciência que vem de boas prestações e ao qual deve ser dado o beneficio da dúvida.

    No entanto além da conotação que a sua carreira futebolista lhe acarreta, as suas DECLARAÇÕES FORAM OBJECTIVAS E DIRECCIONADAS.

    Foi um estilo de actuação com marca registada, Pinto da Costa que por tão perto tem andado, com o intuito de denegrir e desestabilizar um treinador que serviu e bem o SC Braga, e que agora está no principal rival do FC Porto.

    Foi o VULGO MOÇO DE RECADOS, com afirmações não centralizadas no SC Braga e na motivação do plantel, AO CONTRÁRIO DO QUE A AUTORA AFIRMA, mas um discurso centrado no passado e nas limitações que lhe estão a colocar, relembrando:
    - "É pena que haja cinco jogadores com pubalgias."
    Pergunta: Mas afinal, de quem é a responsabilidade?
    - "Não me perguntem. Mas não é normal. Desde 1986 que não ouvia falar de pubalgias..." - ironizou

    SEM FAZER QUALQUER REFERÊNCIA À EXCELENTE CAMPANHA QUE O BRAGA TEVE, DOMINGOS PREFERIU INTENCIONALMENTE DEIXAR ANTEVER MÁ PRÁTICA, NEGLIGÊNCIA DO ANTIGO TREINADOR NOS MÉTODOS DE TREINO APLICADOS.

    Domingos desta forma estabeleceu desde logo a comparação directa com a época passada, referindo-se apenas de forma pejorativa ao treinador que acabava de proporcionar ao Braga a sua melhor prestação europeia da história (Taça Intertoto+Melhor prestação anual para o ranking da UEFA), que tinha conseguido o 5º lugar e nova presença na UEFA.

    Quanto ao ELFSBORG tão enaltecido pela autora, relembro para os de memória curta, que o Braga no inicio da época passada eliminou o SIVASSPOR que esteve em 1º lugar da Turquia até à jornada 30 e acabou em 2º lugar. Com duas vitórias e um esclarecedor 5-0.
    Enquanto a Turquia tem um coeficiente e uma classificação idêntica a Portugal a Suécia ocupa a 23ª posição e tem metade do coeficiente de Portugal.

    Esperemos que o Domingos vingue e que o Braga consiga a nível nacional fazer igual ou melhor que no ano passado.

    É contudo evidente a demasiada proximidade do SC Braga ao FC Porto
    e acho estranho que ninguém comente a assídua presença de Pinto da Costa na zona VIP, tanto em jogos Europeu, como agora TAMBÉM NOS JOGOS PARTICULARES, parece que a condenação desportiva por corrupção ao invés de fechar portas, abriu as portas das zonas VIP de alguns estádios, tenho também pena que o Presidente do Braga viaje na comitiva do FC Porto ao estrangeiro (Inglaterra- Man Utd), estará o Braga transformado num satélite legal do FC Porto?

    É isto um motivo de orgulho, ou devia o Braga ser um clube independente de Porto, Benfica e Sporting?

    Penso que os 16 clubes da Primeira Liga não deviam ter relações de primazia entre si, e isto acontece principalmente com SLB e FCP, que têm relações de primazia com alguns clubes ditos pequenos, que excedem na minha opinião o que pode ser entendido como boas relações.

    Particularizando, o Braga devia manter-se antes demais como um clube independente, mas é evidente a aproximação cíclica aos grandes (ora SLB ora FCP)... algo vai mal quando assim tem que ser.

    ResponderEliminar
  7. Muito melhor plantel que este ano. Um plantel à la carte como diria o Machado que acabou na frente do Treinador cada vez mais loiro do Benfica.

    ResponderEliminar
  8. Na época passada o braga era a equipa "b" do fcp, este ano com a chegada do Dominguinhos, passa a ser quase a "a"...

    ResponderEliminar
  9. Já percebemos que esta época os benfiquistas vão desejar o pior ao Braga. Quando se é odiado significa que se é invejado.

    Obrigado Salvador!

    ResponderEliminar
  10. "Quando se é odiado significa que se é invejado."
    Palavras para quê? Este blogue é de uma clubite doentia. O Benfica não precisa de ser desculpa para não falar de erros próprios. Espero que o Braga passe, mas façam um favor esqueçam o Benfica.

    ResponderEliminar
  11. ò Sr Carlos Santos não vai trazer para aqui também os quadros do QREN e do PIDDAC?
    É que a gente já percebeu que o Senhor é um grande bracarense sempre prejudicado pelo Porto!

    ResponderEliminar
  12. Não se lembra do que disse quando houve um treinador que afirmou: Para o ano serei campeão.
    Devia lembrar e comparar com o juízo que agora mesmo fez sobre as afirmações do Jesus.
    Haja memória. Lembrem-se daquele moçambicano que deu todos os meniscos a um clube e quando quis um contrato decente foi até Aveiro e Portalegre. Depois teve direito a estátua. Fundamentalistas islâmicos?Dasssss

    ResponderEliminar
  13. Em que ponto discorda da minha análise, ainda não percebi?

    ResponderEliminar
  14. Caro Pedro Morgado,

    Onde ouviu dizer que Jorge Jesus tem a certeza que irá ser campeão na Luz?!
    Certezas, só num clube mais a norte, vá lá saber-se porquê. Ou se calhar, até se sabe...

    ResponderEliminar
  15. Grande texto, concordo em absoluto, tudo não passa de motivação, e realmente o que Portugal precisa é que o Braga passe.

    declaração de interesses: Sou Benfiquista

    LT

    ResponderEliminar
  16. A Académica disse que queria fazer melhor do que no ano passado.
    E agora?

    ResponderEliminar
  17. Grande texto! Já agora eu ouvio Jesus dizer que iria ser campeão no benfica. Passou em oas as TVs.

    ResponderEliminar
  18. Esquecer o benfica? Como? Não foram eles que provocaram todo o impasse no início de época do Braga destabilizando o clube? Queriam o treinador e não queriam pagar! Não são eles que agora pretendem o César Peixoto e pelos vistos também o querem de borla? A isso chama-se o quê? Esquecer? Nunca! Antes lembrar o mal que o benfica fez ao Braga! Lembrar sempre, em especial nas suas derrotas, para as festejar!!!

    ResponderEliminar
  19. Pedro, pergunta à Susana onde foi desencantar essas declarações do Jesus.

    ResponderEliminar
  20. Linguas,

    Susana Valente: susana.valente@mail.aeiou.pt

    ResponderEliminar
  21. Caro Anónimo, o Benfica pagou a totalidade da indemnização por Jorge Jesus, por valores nunca vistos no SC Braga.
    Se fosse para o FC Porto teria sido assim?

    O Presidente do Braga já fez declarações ridículas, dizendo que o Benfica não tem dinheiro para os jogadores da categoria que o Braga tem.
    Com o Orlando Sá a receptividade à negociação foi a mesma?

    Sejam pelo menos racionais, não enfiem a cabeça debaixo da terra, e admitam que o Braga tem dois pesos e duas medidas, é nitidamente parcial no que toca a Benfica e Porto, em favor do Porto.

    Neste momento o Braga está na fase do ciclo em que está nitidamente encostado ao FC Porto, é uma espécie de "satélite legal".

    P.S. O Domingos ainda o JJ era treinador do Braga e já existia toda a especulação de que seria treinador do Braga.

    ResponderEliminar
  22. Carlos,

    Segundo o Tempo Extra, da SIC Notícias, Orlando Sá foi vendido por 3,5 Milhões de Euros.

    ResponderEliminar
  23. Caro Carlos Santos, isso é perfeitamente natural tendo em conta que o Presidente do SCB é portista, o treinador também, e já agora muitos adeptos também.

    Cada um tem o que quer, mas no meu caso o Presidente é apenas do meu clube (não vai ver jogos ao lado do Pinto da Costa...), o treinador foi campeão nacional como jogador do meu clube, e os adeptos são do meu clube.

    ResponderEliminar
  24. Lol! Às tantas o Braga não tem adeptos! Uns dizem que são portistas, outros dizem que são benfiquistas, em que ficamos?

    E o presidente do benfica não é sócio do porto?

    Já agora, o benfica pagou tudo pelo jj mas tudo fez para n o fazer, o q destabilizou mto o início de época!

    O benfica qr jogadores de borla mas isso n pode ser e terá de pagar o q é justo pq os outros clubes tb têm direito ao seu, ou acham q não?

    ResponderEliminar
  25. Lol! Às tantas o Braga não tem adeptos! Uns dizem que são portistas, outros dizem que são benfiquistas, em que ficamos?

    E o presidente do benfica não é sócio do porto?

    Já agora, o benfica pagou tudo pelo jj mas tudo fez para n o fazer, o q destabilizou mto o início de época!

    O benfica qr jogadores de borla mas isso n pode ser e terá de pagar o q é justo pq os outros clubes tb têm direito ao seu, ou acham q não?

    ResponderEliminar
  26. Este ano vão ter que levar com o JJ a ser campeão pelo glorioso.
    O Porto B até vai roer as unhas.

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores