Demasiado Mau Para Ser Verdade

| Partilhar
A tragédia prolonga-se pelos relvados nacionais sem que nada seja feito para pôr cobro às péssimas arbitragens que se vão repetindo jornada após jornada. Depois dos sucessivos prejuízos ao Sporting de Braga e do inaceitável silenciamento de António Salvador, foi a vez de Carlos Xistra fazer uma prestação verdadeiramente miserável no jogo contra o Marítimo.

Pactuante com o anti-jogo dos madeirenses até demasiado tarde, Carlos Xistra poupou a expulsão a Briguel, assinalou duas grandes penalidades inexistentes (uma para cada lado) e anulou dois golos de forma polémica (um para cada lado, também). Numa partida em que só o Sporting de Braga esteve empenhado em dar especátulo, o protagonismo foi novamente dividido entre as lesões simuladas e o árbitro da partida.

Ainda querem que as pessoas vão aos estádios?

Adenda - Hermínio Loureiro foi intensamente vaiado pelos adeptos presentes no Estádio do Dragão. Se pisasse o relvado do Estádio Axa a recepção seria idêntica. No Bessa ou em Alvalade também... É pena que tanto ele como o senhor Vítor Pereira não percebam que estão a mais no futebol.

7 comentários:

  1. E a culpa é do Benfica, agora?

    ResponderEliminar
  2. Ainda bem que puseste link para a notícia do "O Jogo". Ainda não tinha visto que o resumo da péssima arbitragem era "danosa para o Marítimo".

    ResponderEliminar
  3. Paulo,

    Se leres bem a frase do jornal, percebes que essa expressão apenas se refere ao facto de ter sido anulado um golo pretensamente regular... tal como foi anulado ao Braga.

    E recorde-se que Briguel devia ter sido expulso e que Bruno passou incólume às sucessivas provocações ao árbitro e a jogadores do Braga.

    Claro, como não viste o jogo não tens esta percepção.

    ResponderEliminar
  4. Eu este ano comprei cadeira. Mas para o ano só pagarei as minhas quotas de sócio. E só me interessarei pelos jogos europeus. Este campeonato é uma mentira.

    ResponderEliminar
  5. Depois de um jogo em que o Braga foi altamente beneficiado, este post quer ter a clara intenção de desviar as atenções. Porque o golo mal anulado ao Marítimo e a grande penalidade inexistente a favor do Braga foram evidentes para todos os que viram o jogo. Por isso Pedro, desculpa que te diga, mas ... "é preciso teres lata"!

    ResponderEliminar
  6. Eu via TV vi um toque de um defesa do Maritimo na perna do Renteria...Agora se foi penalty depende da intensidade como diria o Poncio Monteiro, que continua a dizer vulgaridades como paineleiro (valha-nos o seu humor...).Mas o do Maritimo, esse é que não deixa dúvidas que não foi...
    Com 3 pontos por vitória estes erros de arbitragem decidem posições na tabela classificativa e é exagero dizer que no final "tudo fica equilibrado"...
    Tivesse o Vitória de Guimarães arbitragens ao nível da época passada e estaria 4 ou 5 pontos acima...E issso, claro, faria toda a diferença...

    ResponderEliminar
  7. Por acaso até vi o jogo. e por acaso até tenho a clara noção de que o maior prejudicado foi o Marítimo. E se reparares o comentário à arbitragem não fala em nenhum golo mal anulado ao Braga. Logo, feitas as contas, o maior prejudicado foi o marítimo.

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores