O Braga é Braga!

| Partilhar
«Parece-me tão legítimo que a Câmara Municipal assuma a defesa dos interesses de uma colectividade desportiva em relação a questões estruturais, quanto de Empresas Municipais (nomeadamente perante discriminações do Governo como as que hoje visam os TUB e o Teatro Circo), quanto de empresas privadas ou associações sediadas no Concelho.» [Ricardo Rio]

Num excelente post, Ricardo Rio explica de forma cristalina por que motivo é legítimo a Câmara Municipal de Braga defender o Sporting Clube de Braga. A defesa de relações claras e transparentes entre autarquias e futebol não empecilha que se respeite o papel decisivo das colectividades desportivas no desenvolvimento sócio-económico e na promoção nacional e internacional do concelho. Apoiar o Sporting de Braga é, antes de mais, defender a cidade e a região.

7 comentários:

  1. E também é legítimo que se lance acusações e suspeições sem provas?

    E acho que confundes as coisas.

    1. É indiscutível que o Braga foi prejudicado contra o Benfica. Num mal que atinge todas as equipas que jogam com as ditas grandes e que vai manchando o futebol português;

    2. É indiscutível que, quer o treinador do Braga (apesar de antes do jogo ter elogiado Paulo Baptista) e mesmo António Salvador se insurjam contra a arbitragem;

    3. Entende-se até que, o presidente da câmara de Braga possa comentar o assunto quando questionado. E neste caso, entendo ainda mais Mesquita Machado, porque encontrou aqui um excelente momento em pleno ano de eleições para surgir como grande defensor dos bracarenses.

    Contudo, há também coisas que não podes escamotear.

    1. Não pode, a figura mais alta da FPF (não esquecer que Mesquita Machado é presidente da mesa da AG da Federação), lançar suspeitas e acusações graves sem provar o que diz. Não pode Mesquita Machado esquecer a posição que tem no futebol português e alinhar no "diz-que-disse" ou no "ouvi dizer", dando a entender que estaria à espera de um outro árbitro (?!) e que Paulo Baptista terá actuado de forma premeditada.
    Não o deve fazer qualquer figura com lugar de destaque no futebol em questão e muito menos o presidente da mesa da AG da FPF.

    Por isso, digo e repito, se não provar o que disse, MM só terá um caminho a demissão da FPF e será apenas mais um caso para aumentar a sua descredibilização, a exemplo do que foi a sua actuação vergonhosa no caso apito final.

    ResponderEliminar
  2. Seguramente um dos momentos mais deprimentes da política local nos últimos tempos. Depois chamam-nos provincianos. Pois!

    ResponderEliminar
  3. Região de Braga! Não sabia da sua existência.

    ResponderEliminar
  4. Ricardo Rio não me surpreenda!E eu a pensar que era diferente...
    Não enrede pelo populismo e pela colagem ao Braga, apesar de Mesquita o ter feito depois do jogo com o Benfica, numa tirada à Santos da Cunha...
    Pode criticar a vontade.Não perde votos por isso.Não cole à estratégia de Mesquita cavalgando a sua tese.
    O que Mesquita disse não pode ser dito sem provas, pura e simplesmente, mas não é por causa disso que eu o apoio na luta a favor do Braga.E se ganharmos no próximo jogo ao Porto com um penalty duvidoso, também não fico chateado...
    Num politico á Alberto João Jardim(este é muito mais louco, aliás...), como é Mesquita, tal populismo até é compreensivel, mas a si, com uma imagem completamente distanciada da dele, mas sem desprimor, tal aval era dispensável.Você, Ricardo Rio ganhará as eleições, daqui a 4 anos, mas com um novo paradigma!Não se deixe enlear, estava tão bem calado!

    ResponderEliminar
  5. O Rio do Porto seguiu o seu caminho sem futebois nem pintos da costa e chegou ao mar. O Rio de Braga que siga esse magnifico exemplo.

    ResponderEliminar
  6. hum...

    e quando o fernando gomes apoiava o porto? nessa altura não era conflito de interesses? e agora que o rio se arma em parvalhão e recusa receber o fcp na câmara, não é um político sério?

    sinceramente, que coisa mais parola. dos grandes, tudo se critica; dos pequenos, é assim mesmo que tem que ser... estou para ver neste blog defenderem que cada câmara municipal deve defender com unhas e dentes os clubes da cidade... ah, não, isso é só quando se fala em "braga".

    coisinha mais proviciana...

    ResponderEliminar
  7. «E também é legítimo que se lance acusações e suspeições sem provas?

    E acho que confundes as coisas.»

    My thoughts exactly.

    PS: "Dar" estádios ao Sporting de Braga é, antes de mais, delapidar e atrasar a cidade e a região.

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores