Fafe Quer Metro de Superfície

| Partilhar
«A Junta de Freguesia de Fafe reclama da Câmara Municipal uma acção reivindicativa, junto do quadrilátero urbano composto pelas cidades de Braga, Barcelos, Famalicão e Guimarães, tendo em vista integrar o concelho na rota do metro de superfície. A Junta de Freguesia de Fafe deliberou, na última sessão, solicitar à Câmara Municipal que adira ao projecto do metro de superfície apresentado ao Governo pelo quadrilátero urbano composto pelas cidades de Braga, Barcelos, Famalicão e Guimarães, já seleccionado no âmbito do programa “política de cidades POLIS XXI”. Pelo menos, que a Edilidade manifeste, junto do quadrilátero, o interesse e a vontade de participar no projecto, "a fim de beneficiar a cidade de Fafe com o metro de superfície, tornando-a turisticamente mais atraente e competitiva".» [Diário do Minho, 16.01.2008]

A vontade manifestada por alguns fafenses de se juntar ao anunciado quadrilátero urbano, sobretudo em termos de transportes ferroviários é uma notícia excelente. O que se lamenta é que a linha que ligava Fafe a Guimarães tenha sido ocupada por um bairro residencial às portas da cidade berço. Nada que a vontade e o engenho não resolvam.

6 comentários:

  1. Olhe que não! Tanto quanto sei o canal de via entre Guimarães e Fafe está totalmente desempedido.

    ResponderEliminar
  2. Concordo com a posição da J.F. de Fafe.

    Esta rede deve servir todos os concelhos do Distrito de Braga de forma a uni-los e a torná-los mais competitivos.

    ResponderEliminar
  3. Totalmente?
    Logo à saída estação de Guimarães existe uma rotunda...
    Nada que o engenho não consiga resolver.
    Fafe tornar-se-á uma cidade moderna, é isso?

    Dario Silva.

    ResponderEliminar
  4. Ó Pedro, tem cuidado com o que escreves de Guimarães...

    O melhor é continuares com os elogios.

    ResponderEliminar
  5. Ena... Mas, não foi Fafe esse facho olímpico que iluminou os autarcas deste país na luminosa ideia de virar tudo quanto fosse canal ferroviário com tráfego suspenso em vistosas ciclovias?

    Estou a ser irónico, mas no caso fafense dou os meus parabéns, porque fica sempre bem admitirmos quando erramos CRASSAMENTE. E nos caminhos-de-ferro tudo parece impeditivo; no entanto, de mês a mês estreia outra A-mas-são-verdes não sei aonde (na minha terra é que não, sou de Bragança). Corrija-se o traçado, e note-se que o restante até ficou limpinho, imaculado! Com a mesma pressa com que tiraram os carris, tire-se agora o alcatrão. É fácil, e o povo agradece.

    A alternativa também é boa: oferecer ou alugar a bom preço bicicletas aos fafenses, para se poderem ligar à ferrovia. De certeza que no Inverno deve dar um passeio inesquecível.

    ResponderEliminar
  6. Sem dúvida uma ideia original : um quadrilátero com 5 lados.

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores