José Sócrates é licenciado?

| Partilhar
Já se tinha lido pela blogosfera que a Licenciatura de José Sócrates tinha sido tirada em tempo record, por meios travessos e enquanto desempenhava funções governativas.

Agora as novidades vêm a público num jornal de referência: há falhas no dossier de José Sócrates na Universidade Independente. Isto não vai dar em nada. Mas o que está claro é que José Sócrates se licenciou por atalhos. E não há discurso de competência e seriedade que resista.

José Sócrates é dessa geração de políticos que nunca fez nada de substancial fora da política. Crescem na política e da política fazem sustento. Mantêm-se nela a qualquer. Ascendem a cargos de chefia ou gestão sem quaisquer preparação académica para tal. Governam-se à grande e à francesa... enquanto o povo sobrevive à portuguesa. Até um dia.

12 comentários:

  1. Isto é que é uma entrada a pés juntos ao sócrates, ele até viu estrelas. Mas tens razão Pedro.

    ResponderEliminar
  2. Sócrates um GRANDE engenheiro, o maior o nosso PM.

    ResponderEliminar
  3. Já agora, certifiquem-se se ele tb fez mestrado. Tá na moda...

    Espero que fique por lá durante mais anos...

    ResponderEliminar
  4. Eu diria melhor: porque não exigir a demissão do homem e convocar eleições antecipadas? Com um jeitinho ainda temos a sorte de ter um novo primeiro ministro com um bocado mais para achincalhar na blogosfera e, quem sabe, pedir de novo eleições. Viva o Entrudo constante! Ah? "Geração de políticos que nunca fizeram nada de substâncial fora da política" - a política já não é substancial que chegue se for feita com competência e sentido de Estado? Haja comedimento Pedro. Foi só "um rumorzito" do Jornal da ressabiada Sonae...

    ResponderEliminar
  5. E depois ainda quer aumentar o número de doutorados... Não parece paradoxal?

    ResponderEliminar
  6. Caro Vitor e Bruno,

    Quem está a confundir competência governativa e "atalhos burocráticos na obtenção de uma licenciatura" são vocês.

    O que disse sobre esta geração de políticos já o tinha dito noutras alturas. E mantenho.

    Afinal há quem queira fazer da política profissão. Discordo.

    ResponderEliminar
  7. Desde há pelo menos quinze anos que, todos os verões, leio o Conde de Abranhos, do Eça. Os meus amigos estranham e eu digo-lhe que é para me actualizar, que vem lá tudo antecipado pelo génio do Eça. O modo como o Conde tirou o curso, em Coimbra, aí está em versão socrática.
    -Algarvio

    ResponderEliminar
  8. Concordo inteiramente com o Vitor Pimenta. Aliás, não é o primeiro exemplo de utilização do Público pela Sonae para vingar o falhanço da OPA.
    Quanto a Sócrates, antes da política, foi profissional da câmara de Castelo Branco. Que, salvo erro, até era PSD.

    ResponderEliminar
  9. os socialistas fazem de socrates um "intocavel". ninguem pode dizer nada do senhor... ele é deus!

    o que estranho é ver gente inteligente como o pimenta imiscuidos nessa teia que é o socialismo local.

    ó rapaz, tu não precisas de emprego do barreto. deixa-te lá de seguidismos!

    ResponderEliminar
  10. Oh meu caro atento. Eu não sou seguidista como pensas. Apenas em cabeceiras não há alternativa e não pactuo com a maneira como maltratam pessoalmente o homem. Tenho grande admiração pelo nº2 da Câmara aliás. Só uma nota: "socialismo local" mas o k é isso? alguma doença o "socialismo"? que maneira tão estranha de aplicar termos

    ResponderEliminar
  11. será k tirou o curso na universidade gay ?

    Se foi, então reconheco-lhe a licenciatura nessa especialidade, pelo menos tem uns toques esquizitos.

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores