PS rejeita apoios para Ave e Cávado

| Partilhar
«PS inviabilizou planos da Oposição de combate ao desemprego nos vales do Ave e do Cávado com o argumento de que há programas específicos e que as novos apoios ao investimento e emprego beneficiarão a região.
Da Direita à Esquerda (PSD, CDS-PP, PCP e BE), a Oposição parlamentar pretendia do Governo a aplicação de programas de intervenção e de emergência para o distrito de Braga, tendo em conta a situação de "tragédia social" que se vive, em particular no Vale do Ave e Vale do Cávado.» [JN]

3 comentários:

  1. Poucos autarcas do PS para esses lados? Lembrem-se disso nas eleições...

    ResponderEliminar
  2. O BE, sem qualquer deputado eleito no distrito, teve a preocupação de apresentar um plano de emergência para recuperar a economia minhota. Os deputados eleitos pelo PS em Braga rejeitaram-no. Eu não me vou esquecer disto.

    ResponderEliminar
  3. É a porca da politica em todo o seu esplendor...
    O PS até concorda com a ideia mas foram outros a promovê-la...
    E a oposição, claro, se a proposta passasse ir-se-ia vangloriar de ter obrigado o Governo a assumir um propósito que não estaria, alegadamente, nas suas intenções...
    Já estou como a Manela, uma suspensão da democracia por um mês não ficaria pior...

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores