Projecto Inovador na Universidade do Minho

| Partilhar
video

9 comentários:

  1. Concedo mérito à iniciativa, mas a actriz deixa muito a desejar. Tive professores no ensino secundário que fingiam estar doentes com muito mais classe. :)

    ResponderEliminar
  2. Dá para ver as condições em que os alunos de medicina estudam. Estou a ver para onde vai o dinheiro das propinas. Pago o triplo que os alunos de medicina e não tenho 1 terço das condições destes. O dinheiro cai sempre nas mãos dos mesmos e para proveito de uma minoria da Universidade.

    ResponderEliminar
  3. Está enganado Sr(a) há_dias.
    O dinheiro resulta do empenho das pessoas no desenvolvimento de projectos de investigação que têm valor suficiente para receber bolsas de incentivo.
    Este dinheiro nada tem q ver com as propinas que paga.
    As coisas não vêm ter ao colo de quem descansa...

    ResponderEliminar
  4. Deviam pensar em treinar actores aptos a simular dor de cotovelo. Diz que é muito frequente...

    ResponderEliminar
  5. Sou a sara, e fui mais uma vitima de bolonha. Esbanjam dinheiro nestas palermices sem interesse enquanto os outros alunos sao deixados ao deus dará. palmas pa todos vós.

    ResponderEliminar
  6. "Palermices sem interesse" é claramente uma expressão de quem não beneficia de uma iniciativa deste género e portanto se nega a reconhecer-lhe o valor. Esbanjar é uma coisa, investir (que é o verbo que se aplica a esta situação) é outra! Lamento que outros alunos sejam deixados "ao Deus dará" (estive noutro curso e reconheço que nem todos têm a mesma sorte) mas a culpa não é certamente da ECS.

    Aproveito ainda para agradecer ao "Há_dias" a sua contribuição monetária e perguntar-lhe em que universidade pública do país se pagam quase 3000 euros de propinas (que é, de facto, o triplo daquilo que eu pago!).

    Quanto ao resto, parece-me que o "t.frada" já disse tudo

    ResponderEliminar
  7. Realmente esta gente é incrível...
    Por todo o país, queixam-se que os médicos não têm postura correcta perante as pessoas, e que o seu desempenho clínico podia ser melhor... Por outro lado, acham que temos condições "a mais".
    Será que a nova moda é criticar os alunos de Medicina?
    Já pensaram em criticar as pessoas que vão para a Universidade passear livros? São um buraco financeiro, também; a isso sim chama-se esbanjar dinheiro!

    De qualquer forma, acho que é claramente estúpido (nem tenho outra palavra) dizer que este tipo de iniciativa é uma palermice, quando é algo que, directa ou indirectamente, afecta o futuro de todos nós (e ainda por cima, contribui para colmatar aquilo que a maior parte das pessoas acha ser uma falha dos médicos).

    Por isso, palmas para todos os que continuam com aquela ideia parva de que os alunos de Medicina e a ECS são os culpados pelas suas más condições (deviam era ter juízo).

    Sei muito bem que nem todos os alunos usufruem das mesmas condições, mas daí a culpar a ECS por tudo e mais alguma coisa... é preciso muita dor de cotovelo.

    ResponderEliminar
  8. mais uma feliz iniciativa que possibilita aos alunos da ECS o contacto com a realidade que os espera. só de lamentar quem não tenha visão para admirar tal facto.

    ResponderEliminar
  9. É tudo muito bonito...estas iniciativas deviam existir sempre!! Mas amigos eu conheço de perto quem tenha trabalhado na reitoria e é tirado e foi tirado muito aos outros cursos em termos de condiçoes e materiais para "meter" no curso de medicina. Ah pois é!!

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores