Sentido Horário ou Anti-Horário?

| Partilhar


Recebi, num email do Bruno Gonçalves, esta simpática imagem. Esta miúda obedece ao nosso cérebro, rodando em sentido horário ou anti-horário. Experimentem, contem as vossas sensaçoes e segiram explicações.
[se não vir movimento, clique sobre a imagem]

15 comentários:

  1. ela de facto rodou no sentido horário...deveria rodar tb no sentido inverso!?

    ResponderEliminar
  2. Também roda em sentido inverso. É possível vê-la rodar nos dois sentidos.

    ResponderEliminar
  3. Eu só consigo vê-la girar no sentido horário, por mais que tente o contrário.

    ResponderEliminar
  4. Roda no sentido anti-horário.
    A mulher é simétrica, simulando exactamente como se roda-se no sentido horario e anti-horário, e não possui relevo (2d). O nosso cérebro interpreta como quer. É à escolha, lol.
    O segredo está na sombra do pé que roda!
    Se o pé que gira levantado está virado para nós não há sombra, mas ao contrário existe. Podemos ainda concluir que a luz provém por detrás dela, daí estar preta, a sombra do pé fixo do nosso lado, e a própria luz vai-se dissipando na direcção inversa à nossa visão.
    Conclui-se que roda no sentido anti-horário.

    ResponderEliminar
  5. Eu tb só consigo ver o movimento horário.
    Como faço para a ver rodar ao contrário?

    ResponderEliminar
  6. hehe fantástico...consegui! não sei como mas ontem não conseguia fazê-la rodar nos dois sentidos e de facto com alguma concentração consigo!

    ResponderEliminar
  7. Caro Jorge,

    Eu só sei pola a rodar no sentido horário quando a vejo no sentido anti-horário. O contrário não consigo...

    ResponderEliminar
  8. Quanto a mim é assim: fixamos o centro da imagem. De seguida, fazemos movimentos oculares ligeiramente cadenciados quer para a direita, quer para a esquerda, como se estivéssemos a controlar a imagem, e assim ela gira no sentido do nosso olhar: direita/esquerda/direita/esquerda.

    ResponderEliminar
  9. Perdão, não é no centro da imagem que fixamos o olhar, mas sim na sombra dosm pés ...

    ResponderEliminar
  10. Aqui está a razão dos árbitros errarem ... ilusão de óptica.

    ResponderEliminar
  11. No meu caso só consigo "inverter" o movimento da dita quando foco o olhar na sombra e imagino a dita a rodar no sentido desejado.

    ResponderEliminar
  12. O Dr. Pedro Morgado escreveu "POLA"?
    O que é "POLA"?

    Será pô-la?

    Mas que distração...Sr. Dr.

    ResponderEliminar
  13. César Gomes, conclui-se que és um pouco, digamos, cromo....

    Essa imagem tem 2 interpretações possíveis, tal como um utilizador o disse e muito bem. A cada uma das interpretações corresponde um tipo de personalidade.

    Se tiverem curiosidade, procurem no google e encontram.

    ResponderEliminar
  14. ...não é nada dificil faze-la rodar.

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores