Vale de Prazeres

| Partilhar
valedeprazeres
© Dario Silva, 01-11-2009

O comboio parte e deixa Vale de Prazeres entregue ao seu silêncio. É um bonito nome, sim, Vale de Prazeres, uma estação com um nome bonito. Se se chamasse Monte das Flores ficaria na Linha de Évora, não na Linha da Beira Baixa, no sopé da Serra da Gardunha que o comboio atravessa desde 1891.

2 comentários:

  1. Ouço falar de Vale de Prazeres desde que tenho consciência de ser gente, há mais de 50 anos: um dos meu bisavós paternos era de lá e, como muita gente na altura, 'fez-se à vida' debandando para Lisboa, quando por lá ainda não passava o comboio: «(...) sahindo de Valle de Prazeres em 13 de Dezembro de 1890; dormi essa noite em Castello Branco; segui viagem no dia 14 ás 10 horas da manhã na malla posta até ao Pezo, "embarcando" ás 11 1/2 da noite no comboio que chegou a Lisbôa no dia 15 pellas 6 horas da manhã, a St.ª Apolonia.»
    Mais rápido só no IC!

    ResponderEliminar
  2. adorei ver as fotos da minha terra natal suissa

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores