Fugir ao Debate

| Partilhar

Houve três debates – RTP-N, Antena 1 e RUM. Mesquita Machado faltou aos três com justificações diferentes. Ninguém acredita que, havendo vontade de ir, não se consiga arranjar tempo para participar. Aliás, para os programas da manhã ou da tarde tipo Praça da Alegria e transmitidos da Arcada o Presidente da Câmara tem tido sempre tempo. Pior – e sabemos todos – é que Mesquita falta a estes debates porque sabe que se participasse a probabilidade de perder eleitores seria grande. Se os debates tivessem outro impacto realizando-se em horário nobre na RTP, na SIC ou na TVI (e por que não?) certamente Mesquita não correria o risco de faltar.

Faltar, como já se disse neste blogue, é um desrespeito pelos bracarenses e pelos outros candidatos. E é um desrespeito pela Democracia uma vez que nos debates os candidatos estão todos em pé de igualdade. Não há fotografias e vídeos com obra feita, não há ofertas de brindes, não há berros nem músicas nem slogans roubados a centros comerciais. Bem moderado, um debate pode ser bastante esclarecedor. Vale a pena ouvir os nossos. Aqui ficam os links.

Antena 1 ouvir aqui
RUM ouvir aqui
RTP-N será retransmitido esta segunda, dia 5, às 21h na RTP-N | notícia ler aqui

4 comentários:

  1. "realizando-se em horário nobre na RTP, na SIC ou na TVI (e por que não?) certamente Mesquita não correria o risco de faltar."

    Eu adivinho contrário; caso as televisões se dignassem deixar Lisboa e Porto e vir conhecer o país real, MM não estaria presente nos debates.

    Mesquitus Machadus já deu provas inequívocas da sua inépcia e inabilidade para debater (seria preciso ter, genuinamente, ideias) e para argumentar.
    A argumentação mesquitista é fraca, vaga, subterrânea, se não apoiada pelo bastidores. Disto eu não tenho névoas de dúvidas.

    Basta.

    ResponderEliminar
  2. "Se os debates tivessem outro impacto realizando-se em horário nobre na RTP, na SIC ou na TVI (e por que não?) certamente Mesquita não correria o risco de faltar." Só muita ingenuidade e falta de memória poderá sustentar tal asserção. Mesquita Machado em 32 anos de 'ditadura democrática' nunca deu entrevista alguma na televisão com conta peso e medida.

    ResponderEliminar
  3. Como quem está casado há muitos anos, já tem as rotinas garantidas; não precisa de "engatar" nem de "namorar"; não precisa de fantasias ... e pelo parece a "posição" é sempre a mesma.

    ResponderEliminar
  4. Candidatura de Mesquita Machado vê-se obrigada a substituir cartazes em Braga: http://img39.yfrog.com/img39/4601/h0.jpg

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores