Massacre na Birmânia

| Partilhar


Seja na China, seja em Cuba, seja na Venezuela, seja nos Estados Unidos, seja no Iraque, seja na Birmânia: a força é a arma de quem não tem argumentos.

[Picture Copyright: Reuters]

2 comentários:

  1. Desculpa a correcção Pedro mas não é Birmânia mas sim Myanmar. Com esse propósito já tinha escrito um post no "A Culpa é do Médico"

    um bem hajas e bom estudo

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores