Portugal dos pequeninos

| Partilhar
Surgiro a leitura deste post de Ademar Santos sobre a pequenês nacional que esbarra agora na caça ao local de nascimento de D. Afonso Henriques.

Faça-se um concurso! Na RTP.

4 comentários:

  1. Meu caro Pedro Morgado,
    Meu caro Perdo Morgado,

    Li o post do Abnóxio e não percebo onde está a tal pequenez nacional. Presumo que aquele texto terá sido induzido pela republicação de um livro de um medievalista ilustre (já falecido) que defende a tese de que o primeiro Afonso terá nascido em Viseu. Também li a notícia que saiu no JN sobre o assunto e não consigo ver onde esteja a contenda de que fala Ademar Santos. Será sinal de "pequenez nacional" haver especialistas no estudo da Idade Média que se debrucem sobre temas tão irrelevantes para o progresso da nação como o local de nascimento do primeiro rei de um país, seja ele qual for?

    Cá por mim, pensando em pequenez da nacional, penso mais depressa em jardins, valentins ou névoas do que no berço do Afonso henriques

    ResponderEliminar
  2. Caro Diuner,

    Não me parece que a discussão esteja a ser muito científica.. Pelo menos, tem episódios de ameaça de violência que falam da nossa tacanhez. Não concorda?

    ResponderEliminar
  3. Concordaria, se estivessemos parados no tempo. Esses episódios de que fala, que não passaram da fase da verborreia, ocorreram há perto de 20 anos. Nos tempos que correm, nada vejo, a não ser algum debate, um tanto morno, entre eruditos, ressuscitado agora em alguns jornais, no quadro da promoção de um livro que, aliás, não traz nenhuma novidade.

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores