CONTRA-ATAQUE: Braga vs Beira-Mar

| Partilhar
«O SC Beira-Mar desloca-se a Braga extremamente condicionado pela classificação. Depois de dois jogos consecutivos em casa, esperava-se que a equipa conseguisse finalmente sair da zona de despromoção, mas tal não aconteceu. Os dois jogos caseiros resultaram em duas derrotas, 8 golos sofridos e apenas 1 golo marcado. O angustiante penúltimo lugar não permitirá a Paco Soler montar uma equipa desinibida em Braga. A pressão para conquistar pontos deverá ditar um Beira-Mar muito fechado com o objectivo prioritário de não sofrer golos. Caberá à equipa da casa assumir as despesas do encontro e partir em busca do primeiro golo. No entanto, o Beira-Mar "pós-Janeiro" apresenta-se com algumas boas soluções de ataque a nível individual. Edgar, Delibasic, Borko e Matheus (este último emprestado pelo Sp. Braga) conferem à equipa capacidade de desequilibrar no último terço do campo. Os principais problemas da equipa são na defesa e no meio campo. As profundas transformações que esses sectores têm sido alvo ao longo da época prejudicam o entrosamento e consistência de jogo do Beira-Mar, daí que a equipa sofra tantos golos.

Em Braga, as incidências do jogo acabarão por determinar o desenvolvimento da postura da equipa em campo. Acredito que nos primeiros minutos, o Braga tentará chegar rapidamente ao golo e o Beira-Mar tentará suster o ímpeto ofensivo inicial dos locais. Com o decorrer do jogo, caso as perspectivas auri-negras se concretizem, Soler deverá apostar em jogadores rápidos que possam tirar partido de algum cansaço da equipa bracarense em virtude do jogo realizado a meio da semana para a Taça UEFA.

Em síntese, o Braga receberá um adversário fragilizado pelas constantes mudanças que tem sofrido ao longo da época, tanto ao nível do comando técnico, como no plantel e que são notórias nos diferentes "onzes iniciais" que o Beira-Mar apresenta nos seus jogos. Apesar da qualidade individual dos atletas de ambos os conjuntos, não será de estranhar que se assista a um jogo muito calculista, pois o treinador auri-negro já alertou para a necessidade da equipa ser realista nesta fase da época face ao actual momento classificativo. Nas bancadas serão de esperar poucos adeptos de Aveiro. Além do facto do jogo ser transmitido pela SportTV, o Beira-Mar anda divorciado da sua cidade e dos seus sócios e cada vez se faz acompanhar por menos gente nos jogos fora de porta. Os Ultras Auri-Negros, grupo organizado de adeptos, deverá marcar presença com cerca de uma centena de elementos.

Independentemente do momento actual que ambos os clubes atravessam, será um encontro entre dois emblemas históricos do futebol português que representam duas das cidades mais importantes do país.»

Nuno Martins do blog Bancada Norte

0 Comentários

Enviar um comentário

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores