C. M. Braga - um orçamento de futuro

| Partilhar
A Câmara Municipal de Braga paga 5,5 milhões de euros para reembolso de empréstimos e 3,5 milhões de euros para juros, o que perfaz a módica quantia de 9 milhões de euros por ano. É a obra do regime, é um facto. Compará-la ao CCB ou ao Theatro Circo é um absurdo. Trata-se de um recinto monodesportivo que serve apenas um clube da cidade, serviço que poderia fazer-se com um estádio bem mais modesto.
Os proveitos do turismo associado à originalidade do novo estádio também não parece compensar tamanho investimento, a ponto de o valor pago anualmente em juros ser superior ao investimento da Câmara de Braga nas áreas da Educação, Acção Social, Trânsito, Segurança e Actividades Económicas.
A construção do novo estádio de Braga, o mais bonito e o mais "derrapado" do mundo, estrangulou o orçamento da Câmara de Braga que volta a investir no Parque Norte para construir umas piscinas, em vez de apostar num Pavilhão Multiusos que permitiria não só a prática desportiva, mas também a realização de outro tipo de eventos culturais.

5 comentários:

  1. Financiamentos errados é o que não falta no nosso país. Já para não falar em corrupção (mas isso é outra história...).
    PS: posso pôr um link para o teu blog nos meus? (aguardo permissão)

    ResponderEliminar
  2. Sinceramente não sou muito apreciador do estádio em questão, mas reconheço a sua originalidade.De todo.
    No entanto, tenho de estar de acordo, pois parece-me uma obra de aparências, mas que na sua orgânica, é um completo desastre.
    Não é caso único, é certo, mas este despesismo não tem grande razão de ser, mas como se disse aqui à uns dias e com tanta energia:
    "- fica para a posteridade".
    Que as despesas não fiquem também.
    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Resta dizer: Se isto é um orçamento de futuro, estamos com um futuro muito negro

    ResponderEliminar

Antes de comentar leia sobre a nossa Política de Comentários.

"Mi vida en tus manos", um filme de Nuno Beato

Pesquisar no Avenida Central




Subscreva os Nossos Conteúdos
por Correio Electrónico


Contadores